Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

29/05/2013


72 horas para morrer
Autor: Ricardo Ragazzo
Editora: Novo Século
Páginas: 256
Classificação: *****
Sinopse: 
Pior do que conhecer um Serial Killer, é um Serial Killer conhecer você!
 “O Carro pertence à sua namorada.”
Com essas palavras, Júlio Fontana, delegado da pacata cidade de Novo Salto, tem a vida transformada em um inferno. Pessoas próximas começam a ser brutalmente assassinadas, como parte de uma fria e sórdida vingança contra ele. Agora, Júlio terá que descobrir a identidade do responsável por esses crimes bárbaros, antes que sua única filha se torne o próximo nome riscado da lista. 72 Horas para Morrer é uma corrida frenética contra o tempo, que prenderá o leitor do início ao fim.

     Inicialmente devo dizer que se você não tem estômago para sangue, assassinatos grotescos, violência, tortura e coisas desse tipo, não leia esse livro.
     O título me atrai logo de cara, por quê? Bom, 72 horas para morrer, o título indica que a narrativa será rápida, sem perder tempo em enrolar o leitor e é exatamente o que acontece, cada palavra é posta com um sentido, todos os mistérios do livro são explicados com veracidade, algumas coisas no começo são bem confusas, mas no fim entendemos tudo, o autor, Ricardo Ragazzo, conta um pouco aqui, planta a curiosidade, para desvendar o segredo em outro momento.
    A história gira em torno de Júlio Fontana, delegado da cidade fictícia de Novo Salto. O delegado Fontana é um anti-herói. Ele usa métodos nada ortodoxos para tentar descobrir a verdade. É um cara mau, eu penso nele como um cherife do Texas, brutamontes, muitas vezes impulsivo, mas ele luta pelo seu ideal, luta pela vida da sua filha. Em alguns momentos o delegado também nos apresenta um lado  emocional, família. É o meu personagem preferido de todo o livro.
   Como a sinopse diz, tudo começa quando o carro da namorada de Júlio, Agatha, é encontrado abandonado em um posto de gasolina, no carro Júlio encontra um pendrive com conteúdo desagradável: Agatha amarrada a uma cadeira, sequestrada. Alguém busca por vingança contra o delegado e as pessoas ao seu redor começam a ser brutalmente assassinadas e ele tem que impedir que sua filha Laura entre para a lista.
    Deixem-me falar de Laura: É uma menina bem chata, sério, a convivência com o pai é difícil devido à morte da mãe em um acidente. Contudo, o que mais me irritou nela foi sua personalidade influenciável, em alguns momentos ela até se mostra firme como o pai. Um pequeno spoiler, me permitam isso, em um rodeio a garota se apaixona perdidamente apenas com uma troca de olhares por um homem muito mais velho e o pior um velho inimigo de seu pai. O nome dele é Miguel e acabou de sair da cadeia, ele viveu quase trinta anos trancafiado na prisão por ter cometido um crime que tem alguma relação com Júlio, é um dos mistérios iniciais do thriller.
      Também somos apresentados nas páginas iniciai ao padre Paulo, ao policial Jaime, aos irmãos Teotônio e Getúlio Fonseca, todos são peças importantes neste intricado quebra-cabeça macabro.
      O livro é dividido em dias 4, 5, 6 e 7 de outubro e narrado por Júlio Fontana (1ª pessoa) e em 3ª pessoa, algo difícil, penso eu, de ser feito. Eu me perguntava ao final de cada dia se o autor teria ainda mais cartas na manga, a resposta veio logo, pois, o clichê “o livro irá prender o leitor até o fim” se faz real, eu devorei esse livro.
  As últimas peças são assustadoras. Com um toque sobrenatural o enredo se encaminha para o fim.


Onde comprar: 


Adicione o livro no skoob:








Por fim, gostaria de agradecer ao Ricardo pela parceria, pela disposição e por me oferecer uma leitura tão boa quanto qualquer livro dos figurões internacionais da literatura de suspense. 
Obrigado.











Abrazzo,
Rogério Queiroz.


27 comentários:

  1. Caracas, pelo que você escreveu, esse cara tem tudo pra ser um Stephen King brasileiro - HAHAHA - Não tenho estomago pra ler um livro como esse, mas leio assim mesmo. Sentir o impacto da historia dentro de nós, com um livro desses, é possivel.
    Ps: Ótima Resenha | Louco pra ler esse livro depois de ler essa sua resenha.

    Gabryelfellipeealgo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabryel, adorei seu comentário, seu "P.S.", espero que vc encontre o livro pra ler e que goste como eu gostei!!!

      Abraços.

      Excluir
  2. Oi tudo bem com ti?
    Amei sua resenha,é tipo como se mostrasse a empolgação e o modo de como sentia a cada página do livro e passasse na resenha,fantástico.Escreve super bem.
    Que bom que tenho como ler haha,tenho estômago e já li livros com cenas "imaginárias" pior(eu acho).
    Achei a capa,nome e sinopse chamativo,fiquei mais ainda com vontade de ler rsrsr.
    Gostei mesmo.
    Parabéns ao autor e sendo assim com certeza vai ser grande sucesso,desejo sucesso.
    ótima resenha Rogério.
    bjus
    Tamires C.
    Blog -De tudo e um pouco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Tamires, que comentário lindo, rsrs, sério fiquei muito feliz com suas palavras.

      Bjs

      Excluir
  3. Lendo a sua resenha e pensando que sou o penúltimo da lista do booktour, kkkk. ANSIOSO!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como diz o velho clichê: o tempo vai passar... e o livro chegará em suas mãos. Hahaha

      Abraços, Jon.

      Excluir
  4. Depois de ler a resenha fiquei ainda mais ansiosa para ler o livro.. Ainda bem que sou a primeira ;)

    http://umsimplesprazer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Uau!
    Depois dessa resenha maravilhosa, só me resta esperar ansiosamente pela chegada do livro até minhas mãos pra eu começar logo desvendar esses mistérios.
    Parabéns, Rô! Adorei saber que o livro é assim tão bom.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que todos gostem tanto quanto eu!!!

      Bjs, Neri.

      Excluir
  6. Bom, pode até ser interessante,mas não me fez querer ler =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, uma pena saber disso, mas respeito sua opinião e seu gosto literário.

      Bjs

      Excluir
  7. Adorei a resenha Rogério.. Parabéens :)

    Bom, fiquei com muita vontade de ler o livro.. Sucesso :D

    Adriano Gutemberg
    http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Adriano, e mais sucesso para seu blog.

      Abraços.

      Excluir
  8. Olá , seu blog é muito bom,
    e desde já quero dar-lhe os parabéns, meu nome é:
    António Batalha, e quero deixar-lhe um convite,
    se quiser fazer parte de meus amigos virtuais no
    blog Peregrino E Servo ficarei muito radiante.
    Claro que irei retribuir seguindo também seu blog.
    Deixo-lhe a minha bênção.

    ResponderExcluir
  9. Adivinha? Você me deixou com uma p. de uma vontade de ler o livro, mas ai eu lembro que além de ser o último tenho que largar o resto da minha vida (menos os estudos hahaha) para lê-lo, mesmo assim sinto que vai ser o imenso prazer :D
    Super abraço, Victor Rosa do Encantos Paralelos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero mesmo que seja uma leitura agradável para você, Víctor.

      Super abraço :3

      Excluir
  10. Ei Rogério,
    Adorei a tua resenha, eu ja tinha ouvido falar desse livro e estou curiosa para ler. Não que eu curta violência e tals hahahaha mas eu adoro um mistério! kkk

    beijos
    http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim e se surpreenda com os autores nacionais.

      Bjs

      Excluir
  11. Oii Rogério! Te indiquei uma tag, dá uma olhada lá! :)

    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/2013/05/tag-e-selinho-20.html#more

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Responderei sim, Michelly, assim que for possível, hehe.

      Bjs

      Excluir
  12. Oi, Rogério!
    Eu gostei muito da resenha, só não sei se leria o livro rs
    Muito sangue e essas coisas não é comigo :p
    Abraços
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk'
      Olha até mesmo para vc seria uma leitura agradável, sei lá, mesmo com todo o sangre derramado brutalmente o livro passa rápido pq precisamos saber de tudo, ou seja, sangue passageiro, cara... hahaha

      Abraços.

      Excluir
  13. Poxa, até sua resenha me fez perder o folego.
    Não sou muito fã de liros desse tema, mas esse entra para a lista de desejados, sua resenha me cativou muito.
    Ótima resenha.
    Parabéns.


    http://thebooksmylife.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá!!
    Estou participando de um book-tour deste livro, em breve vou ler....
    Fiquei preocupada com a parte de sangue... A leitura parece ser pesada, né?
    Vou ter que encarar! haha

    Beijos.
    http://vivianpitanca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá Rogerio!
    Bom eu já li o livro e confesso que gostei muito dele,porem a unica coisa que me deixou decepcionada foi com o final dele.
    O conjunto de um serial killer mais o sobrenatural foi algo que achei super,hiper demais da parte do autor.Ele soube como encaixar estes dois como ninguém.
    E realmente a parte dos assassinatos,foi algo bem pesado e detalhado no livro,Mas um livro de thriller sem isso não é um livro não é!

    A resenha esta ótima!

    Beijokas Ana Zuky

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
  16. Ainda vou ler esse livro!
    Abraços!

    ResponderExcluir