Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

15/05/2013

Olá, leitores, blogueiros, amigos!!!
Com vocês a primeira entrevista do blog.
Fiquei muito feliz, pois, a autora se prontificou em responder e rapidinho a entrevista já estava no meu e-mail, respondida.





 Bianca Carvalho, 26 anos, é escritora do romance Jardim de Escuridão, nasceu e mora no Rio de Janeiro.

Sinopse - Jardim de Escuridão - Livro 1 da Trilogia das Cartas - Bianca Carvalho
"Todo dom pode ser uma bênção ou uma maldição..." Quando Faith Connor recebe uma carta deixada por sua avó, após a morte da mesma, contendo um último pedido, ela não esperava que sua vida ganharia um rumo inesperado. Detentora de um dom especial de compreender as flores, cujos significados lhe fornecem visões de acontecimentos futuros, ela atende o pedido da avó, levando uma flor especial a seu túmulo e acaba conhecendo Rowan Allers, um homem atormentado pela morte da irmã, assassinada por um serial killer. Sentindo uma estranha conexão com aquela história, Faith o ajuda a investigar, sem nem saber que seus destinos estavam ligados de forma perigosa e até fatal.


A Entrevista





Uma dose de palavras: Qual foi a sensação de colocar o último ponto final no seu primeiro livro? E quando o livro foi publicado como você se sentiu?

R. Colocar o famoso "the end" em um livro nunca é fácil. Dizer adeus à história e aos personagens é bem doloroso, mas também gratificante. Já ter o livro nas mãos, publicado, é  a maior emoção, indescritível. Ao mesmo tempo você sente o peso da responsabilidade, pois esse material cairá nas mãos das pessoas... elas irão ler sua história, avaliá-la e se envolver com ela.

Uma dose de palavras: Quantos livros você tem publicados?

R. No momento, apenas Jardim de Escuridão.

Uma dose de palavras: O seu livro é uma estória fictícia mas sabe-se que as experiências vividas por você influenciam a escrita. Você poderia revelar algum acontecimento vivido que foi acrescentado ao livro?

R. Olha, eu nunca acrescento nada da minha vida nos livros, hehehe. Eu realmente viajo, gosto de me perder nas histórias, sem relacioná-las comigo, pessoalmente. Nem mesmo os personagens são diretamente baseados em pessoas conhecidas.

Uma dose de palavras: Quais seu autores preferidos? O seu gosto literário influenciou na sua escrita?

R. Nora Roberts, Sidney Sheldon e Cassandra Clare. Confesso que tenho um pouquinho de cada um deles em mim, quando vou escrever. Sobre meus gostos, eles influenciam completamente, pois meus livros são exatamente do gênero que gosto de ler.

Uma dose de palavras: Foi difícil o processo criativo? Em que momentos a sua produção literária era mais intensa? Qual foi/é a sua maior motivação para escrever?

R. Não diria difícil... eu costumo planejar a história inteira antes de começar a escrever, então, acabo não tendo lá muitos problemas com bloqueios. Eu costumo escrever em qualquer lugar, qualquer hora... mas à noite, pouco antes de dormir, quando estou sozinha, ouvindo música, é o meu momento. Minha motivação é a necessidade que eu tenho de colocar minhas ideias para fora, de criar pessoas diferentes, vivendo em lugares diferentes... isso vive dentro de mim, e tem horas que não dá para guardar.

Uma dose de palavras: Como foram as críticas em relação ao seu trabalho? Recebeu alguma crítica negativa, se sim, como lidou com isso?

R. Graças a Deus foram bem positivas. Não recebi nenhuma crítica desrespeitosa, mas, sim, muitos conselhos que foram aproveitados e alguns puxões de orelha. Eu gosto de críticas construtivas, afinal, é assim que um escritor pode crescer.

Uma dose de palavras: Houve aquele momento específico em que você decidiu que escreveria livros, criaria estórias?

R. Desde pequena eu escrevo, mas foi aos 14 anos que eu resolvi sentar para escrever um livro inteiro. Não foi em nenhum momento específico, foi algo que simplesmente aconteceu.

Uma dose de palavras: De uma forma geral do que tratam os seus livros? Qual o seu gênero literário?

R. Meus livros são Suspenses Românticos, e todos eles possuem um toque leve de sobrenatural.

Uma dose de palavras: Qual foi a maior dificuldade enfrentada por você como escritor(a)? Em algum momento pensou em desistir?  

R. A maior dificuldade é lutar por aquele lugar ao sol. As editoras não dão tanto valor a escritores nacionais, ainda mais iniciantes, e isso dificulta o trabalho. Desistir nunca passou pela minha cabeça. Enquanto houver pessoas lendo meus livros e comentando sobre eles, eu continuarei escrevendo.

Pergunta enviada por Anderson Felix, leitor do blog:
Como foi visitar Pernambuco divulgando o seu trabalho? Quando pretende voltar?

R. Pernambuco é bom demais. Adorei a galera do clube do livro que conheci lá. Espero voltar em breve... não sei mais viver sem Tapioca!

Uma dose de palavras: Por fim, gostaria de agradecer imensamente a disposição em responder à entrevista e quero desejar muito sucesso, muita criatividade, muitos outros livros publicados. Muito obrigado!

R. Eu que agradeço o espaço. Obrigada pelos desejos tão positivos :)


Encontre mais informações sobre o livro e a autora no SKOOB .



Um forte abraço,
Rogério Queiroz.


14 comentários:

  1. Achei muito linda a capa do livro! :)
    Te marquei pra responder uma TAG no meu blog, passa lá pra conferir e quando você responder a TAG aqui, me avisa.

    Visita lá e se gostar comenta também! :)
    http://sea-of-books.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito boa a capa e a sinopse desperta a curiosidade, quero muito ler.

      Bjs.

      Excluir
  2. respondendo sua pergunta, sou da Paraíba.

    ResponderExcluir
  3. Já tinha visto várias resenhas positivas sobre o livro. Gostei bastante da entrevista, a autora parece ser muito simpática!

    Você poderia votar na enquete de meu blog?
    Beijos, Blog Admirando os Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já votei e, sim, a Bianca é muito simpática ^^

      Bjs.

      Excluir
  4. Não tenho facebook, mas você pode entrar em contato comigo através do skoob: http://www.skoob.com.br/usuario/143513

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. IE LINDOOOOOOOO...TÁ BOM ASSIM ??? hahahahaha
    Me desculpa pelo vacilo, porque eu não vi.
    E outra, eu gostei da sua postagem, mas eu ainda não conhecia essa autora e nem o seu livro. Me parece bem interessante. Mas eu estou com tanta parceiria que tenho que começar a encerrar. Melhor, já até suspendi, mas o negocio não para e não dá para resistir !!! hahahahaha

    Mas olha querido, eu já estou te seguindo.
    Só não vi você ainda me seguindo.
    Acho que nao achou porque meu Layout novo acabou de entrar
    Fico aguardando retorno seu
    bjos

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, eu já te segui sim.
      Comentei sua postagem dos 200 seguidores.

      Abraços.

      Excluir
  8. Adorei a entrevista, Bia é linda e parece ser super simpática. O livro é lindo e já está na minha lista de desejados há muito.
    E valeu por ter adicionado minha pergunta, acho ótimo ela ter gostado daqui e tenha planos pra mais visitas.
    Todo sucesso do mundo, abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anderson. Obrigado pela pergunta e por ter falado sobre o talento da autora.

      Abraços.

      Excluir
  9. Nossa que capa linda... eu quero esse livro.. oakdos

    Guilherme Kunz
    www.tematoa.com
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito inspirador esse livro, a arte da capa, a sinopse...

      Abraços.

      Excluir