Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

22/04/2014



Título: Dublê de Corpo (Rizzoli and Isles - Livro 04)
Autora: Tess Gerritsen
Editora Record
Páginas: 414


Olá, pessoal, tudo bom?
Quem acompanha o blog sabe que eu estou (ainda) lendo 4 livros ao mesmo tempo e para surpresa de todos (risos) hoje vamos conferir a resenha de Dublê de Corpo, um livro que não estava entre os quatro. Sim, durante o feriado não resisti e li mais um livro da Tess Gerritsen que se confirmou e consolidou-se como uma das minhas escritoras favoritas

"Sou eu. Aquela mulher sou eu".


IMPORTANTE: Como este é o quarto livro da série eu posso soltar alguns spoilers, irei evitá-los ao máximo, mas alguns podem ser necessários, nada que atrapalhe a leitura dos anteriores. 

Resenha:

Comecei esse livro com saudade e desesperado para reencontrar a detetive Jane Rizzoli e a médica legista Maura Isles. No entanto, Dublê de Corpo, como os outros livros que li dessa série se inicia com uma história paralela e que no decorrer do tempo parece não se encaixar com a trama.

Temos um prólogo muito curioso onde uma garota tímida, que era zoada por todos na escola, é deixada sozinha em um buraco, uma cova profunda. Uma cena assustadora que se encerra no prólogo sem solução o que deixaria qualquer leitor aflito para saber o que acontece com a pobre garotinha.

O enredo principal é centrado em Maura Isles. A patologista estava em Paris em um congresso e ao retornar se depara com vários carros de polícia em frente a sua casa, seus vizinhos a encaram com estranheza... Como se ela fosse um fantasma. Enfim, ela se encontra com Rizzoli - neste livro ela está grávida de 8 meses e trabalhando loucamente - que lhe conta que uma mulher fora morta em frente sua casa, encontrada, baleada na cabeça, dentro de uma carro, o mais assustador é que todos pensavam que a vítima fosse a doutora.

"Tenho vivido sozinha e sem compromisso há tanto tempo, pensou, que nunca me ocorreu que há gente neste mundo que pode se importar com o que acontece comigo."

Com este cenário misterioso, Rizzoli e Maura precisam investigar o crime e, além de tudo, aquela mulher - o clone de Maura - poderia ter respostas para as perguntas da Rainha dos Mortos, a doutora Isles. (Maura é filha adotiva, não sabia nada sobre suas origens e sempre buscou esclarecer suas dúvidas).

Outra dúvida perturba Maura: Será que mataram a mulher certa, ou aquela mulher morrera em seu lugar?

Todas estas dúvidas levam a polícia a descobrir crimes assombrosos. Um assassino cruel ainda está a solta e os ossos são as únicas fontes de informação.

Desenterrar este passado pode abrir feridas há muito escondida. Mas Maura precisa da verdade para poder seguir em frente.

"É isso que esse trabalho faz com a gente, pensou. Você começa a sentir o mal em toda parte ao seu redor, mesmo quando não está lá". 

* * * 

A cada nova história que leio da Tess mais eu fico fascinado com a genialidade dessa mulher. As tramas são envolventes, surpreendentes, cativantes... Até mesmo os personagens que tem tudo para serem odiados conseguem transmitir carisma e, no fim, ainda conquistam.

Todos as histórias "paralelas" se encontram e se fazem coesas. Desde a menina deixada em um buraco à bala enfiada na cabeça do "clone" de Maura. E eu não consegui prever nada e quando pensei que tinha acertado algo da história a autora me estapeou e mostrou que eu errara mais uma vez. (Fiquei mais surpreso e apaixonado).

A autora também fisga o leitor pelo seu detalhismo ao descrever cenas "difíceis":

"A pele do peito já estava aberta, os seios estavam ocultos pela carne virada do avesso, costelas e músculos expostos. Yoshima inclinou-se para a tesoura e cortou as costelas. Cada estalo fazia Maura estremecer. Como é fácil quebrar um osso humano, pensou. Achamos que nossos corações estão protegidos por uma sólida gaiola de costelas, mas basta um pouco de pressão no cabo de uma tesoura e, uma por uma, as costelas cedem ao aço temperado . Somos feito de matéria muito frágil".

Dublê de corpo entrou para a minha lista de favoritos da vida. Li esse livro em 3 dias, e olha que comparando com minhas leituras atuais isso é quase um recorde.

Classificação:


Recomendo muito Tess Gerritsen. Se conseguirem ler esta série na ordem seria muito bom.

Ondem da Série Rizzoli and Isles:

O Cirurgião (RESENHA)
O Dominador
O Pecador
Dublê de Corpo
Desaparecidas
O Clube Mefisto 
Relíquias
Gélido
A Garota Silenciosa

Então é isso...

Abraços,
Rogério Queiroz!


3 comentários:

  1. Olá, tudo bom?

    Caraca! O livro me pareceu muito bom, tem uma premissa muito atraente.
    Preciso ler Tess Gerritsen!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Oi, querido, tudo bom?

    Faz tempo que me interesse por essa autora, mas nunca consegui nenhum livro dela para ler até porque são bem carinhos. Depois de ler sua resenha percebi que não importa o preço devo comprar já. hahaha

    Acho que no lugar da Maura eu ficaria desesperada. Já fiquei desesperada aqui para saber mais sobre o que acontece no decorrer da história.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. E ai meu amigo, tudo bem?
    Quem é VIVO SEMPRE APARECE né??
    Pois bem, desculpa também pela minha ausência, mas andei desanimada em comentar em alguns blogs por ter me abandonado SABE???? hahahahaha....brincadeira, eu entendo e compreendo vc, até porque eu andei um pouco afastadinha também.
    Mas eu adoro passar aqui em seu blog e ver as resenhas que vc posta, principalmente de livros que eu NUNCA VI NA VIDA.

    Enfim...Eu li e achei bastante interessante tudo que vc contou sobre o livro, mas eu não sei se seria meu gênero. Mas eu adoro uma investigação. Quem sabe eu não comece a ler também.
    E agora me diz uma coisa, lendo 4 LIVROS??? Tá doido?? Oque deu em vc rapaz?? hahahahaha...Eu estou lendo dois por vez e já acho cansativo, imagina ler 4 !!!! My gooddddddddddd hahahaha

    Mas parabens meu amigo
    Continue assim que vc vai longe
    Se cuida e fica com Deus
    bjos

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir