Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

10/03/2014


Título: O Clone de Cristo
Autora: J. R. Lankford
Editora: Saída de Emergência Brasil
Páginas: 384


“– Simples assim? – resmungou Frances. – Eles clonaram uma ovelha, vamos clonar o Pastor?”

Em O Clone de Cristo o leitor acompanha a história do médico, cientista, microbiologista, Dr. Felix Rossi que com todas essas qualificações foi designado para diretor da equipe que analisaria a suposta mortalha de Jesus Cristo, o famoso Sudário de Turim. Mas o objetivo do homem não era provar que Cristo fora coberto com aquele tecido após a crucificação, pois ele já tinha certeza disso, Felix Rossi pretendia cloná-lo.

Durante o processo de investigação, Felix consegue roubar dois fios manchados de sangue, o sangue de Jesus, e no dia seguinte retorna aos Estados Unidos – não sem antes chamar a atenção de um jornalista que estava na alfândega do aeroporto. Ele precisava do seu laboratório para ter certeza que nos fios havia células intactas para que pudesse extrair o DNA. Como o imaginado, sim, os fios continham tipos de leucócitos encontrados geralmente em feridas, o que para ele era condizente já que as chagas de Jesus poderiam ter formado pus na tentativa de cura, cicatrização.

“– Não, Adeline, mesmo que a clonagem humana seja proibida amanhã, eu não vou parar. Jesus não era humano como você e eu. Ele era divino. Peço desculpas. Espero que um dia me perdoe, ou me compreenda. Eu não posso parar. Agora tenho que me apressar.” (Página 107).

“Quantas vezes em nossa vida pensa que vamos ter outra oportunidade de clonar Cristo?” (Página 165).

O plano estava indo bem, mas Feliz ainda precisava de uma mulher que aceitasse doar seus óvulos e ser a barriga que carregaria o filho de Deus. Quem seria a sua Maria?

***

Um tema polêmico trabalhado sem polêmica.

A autora seguiu pela contramão. Enquanto muitos tratariam do assunto “A Clonagem de Cristo” de forma sensacionalista, ela fez o contrário e escreveu sobre os dilemas morais de um homem que estava disposto até mesmo a Clonar Jesus em busca de redenção. Esse livro trata muito mais sobre a clonagem em si e os questionamentos que o método traz, do que sobre o “boom” que seria para o mundo se algum “cientista maluco” tentasse clonar alguém morto.

Minha opinião:

Foi uma leitura frustrante, pois eu esperava mesmo que o tema fosse abordado de forma polêmica, cutucando as feridas, causando incômodo, revelando detalhes históricos desconhecidos. Mas o que a autora J. R. Lankford nos oferece é uma ficção morna cheia de detalhes científicos interessante, porém maçantes.

A leitura foi difícil e arrastada, durante quase 300 páginas nada acontece em termos de ação, não existem reviravoltas, pontos de virada... Durante o livro há apenas uma perseguição aos protagonistas, esse é o único momento real de ação.

Os personagens não cativam, com raras exceções como Maggie e Sam que durante o enredo formam um casal controverso... Contudo o próprio Dr. Felix não causa nem raiva, nem torcida – "nem fede, nem cheira", sabe.

A Edição:

Sobre a edição está tudo no lugar certo. A capa é bem bonita, não sei se posso dizer que condiz com a história, mas tem um trabalho gráfico muito bom, as folhas são amareladas e a fonte tem um tamanho mediano (fonte 12). Só encontrei um erro.


*** 

Bom, quem está esperando um livro com pegada “Dan Brown”, fuja de O Clone de Cristo, mas quem gosta de descrições sobre procedimentos médicos e sobre clonagem esse pode ser um livro aconselhável.


Links:
Facebook SdE
Twitter SdE
Instagram
Site Saída de Emergência Brasil




Abraços,
Rogério Queiroz.


6 comentários:

  1. Confesso que fiquei muito interessada no livro quando soube da premissa dele, como assim uma pessoa clona Jesus Cristo?!
    Mas comecei a me desinteressar quando fui lendo as resenhas e percebendo como o livro não foi bem aceito.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu imaginei que o livro seguiria a linha mais polêmica e agressiva,
    isso me desmotivou a querer lê-lo, não gosto de apelações...
    pena que te decepcionou, mas agora que sei que a linha de abordagem é
    outra posso até pensar em lê-lo.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi!!!
    Fiquei em dúvida se quero ler ou não o livro.
    Gosto do tema, mas não gosto de leituras arrastadas.
    Abraços. =D

    ResponderExcluir
  4. Gosto desses temas, com mais sua resenha, acho que vou comprar o livro.


    seguindo o blog, bjs http://olhardeumgaroto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Essa "pegada Dan Brown” era justamente o que eu estava esperando desse livro. Uma pena que não tenha muita ação, eu queria que fosse cheio de polêmica e reviravoltas delirantes!! rsrsrsrsrs
    Ainda bem que li a resenha antes de comprar. ;)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi adorei.. muito obrigado, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir