Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

28/04/2013

O tempo é cruel,
Amargamente implacável.
Não retrocede ou avança
Conforme é agradável.
Quando a dor atinge
O tempo se arrasta.
E mesmo pra quem finge
É difícil suportar.
Continuar a sorrir
Mentindo estar bem.
Com tantas feridas
Sem cura.
Tanta mágoa e angústia.
A noite escura não ajuda.
Não tenho fé ou força
Para acreditar
Que tudo vai passar.



                                                              Rogério Queiroz.



Um comentário:

  1. Poemas sobre o tempo é sempre algo magico e enigmático *-*
    Super curti, mandou bem Rogério.

    http://meucoracaonacaneta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir