Pesquise!

Carregando...

Seguidores

Facebook

Tecnologia do Blogger.

Link-me

O Blogueiro

Visitas.

14/01/2016




Bom, eu quando estou no meu lado pessimista (ou realista), costumo pensar que no amor, em uma relação entre duas pessoas, há sempre dois personagens: o carrasco e a pessoa que terá a cabeça decapitada. Acredite a pior coisa que pode acontecer é você ser a pessoa que está prestes a ter sua cabeça cortada.

Sem desespero, sem colocar a carroça na frente dos burros, não pense que tudo está perdido e acompanhe algumas dicas de como lidar com esse momento tão delicado na vida de um casal: a crise.



Dica 1. “Dê tempo ao tempo.”. Recentemente li a seguinte frase: vale a pena esperar por aquilo que vale a pena ter. Então é isso, espere o tempo passar, espere que as questões da sua parceira, ou parceiro, se resolvam... Contudo, no entanto, todavia, não espere para sempre, até porque não é conveniente fazer papel de trouxa, né. Estabeleça um prazo. Uma semana, quinze dias, se você for muito paciente ou muito apaixonado(a) espere um mês. Seja firme.


Dica 2. Alimente os espaços. Não pode stalkear a pessoa 24 horas por dia, tá bem? Então tá bem. (Como diria Jout Jout). Provavelmente você estará com saudades, mas será que sua/seu namorada(o) também sentirá saudades de você. Perceba isso!!! Se ela(e) não sente sua falta pule imediatamente fora desse barco. Antes morrer afogado do que sufocado por um amor indiferente.

Dica 3. Evite como puder músicas tristes. Nesses momentos parece que toda e qualquer música é direcionada pra gente. Chorar ouvindo música: pior coisa. Evite Adriana Calcanhoto, Adele, Lana del Rey, Chico Buarque e coisas do tipo. Evite!!!


Dica 4. Exercícios físicos. Pratique esportes urgente, você vai suor, liberar endorfina, refletir sobre a vida e, se nada nesse seu namoro der certo, você terá um corpo lindo e definido para conquistar novas pessoas (olha que maravilha!). 

Dica 5. Se distraia com filmes e livros. Comédia romântica é o que há!!! Porque no fim tudo dá certo, você vai perceber que o casal passa por diversas dificuldades, perrengues e coisas afins e, no fim, estão lá juntos e felizes para sempre. Ah, a ficção... Outra dica valiosa é se viciar em séries, eu, por exemplo, já vi várias esses dias (risos). É importante entrar de cabeça em outras histórias e esquecer um pouco da sua.


Dica 6. Chore antes de dormir, ou no chuveiro, mas só nesses dois momentos que você poderá chorar. Evite passar todo o seu tempo chorando, não leva a lugar nenhum, no entanto, tem que chorar. Não adianta nada se reprimir para sempre.

Dica 7. Saia com seus amigos. Marque um cinema, converse, visite aquele amigo que você adora, mas que não vê há muito tempo. Você também pode telefonar e usar seu amigo de psicólogo. <3 

Dica 8. Amar a si mesmo é o maior clichê que eu poderia dizer, mas é a coisa mais valiosa que você terá a seu favor. Se ocorrer o término, tudo bem, tá. Terminar pode ser extremamente doloroso, mas todos nós sabemos que é melhor uma grande dor imediata e passageira do que uma dor constante, angustiante e permanente.
Acredito que essas dicas não vão servir para todo mundo - pra mim estão servindo -, entretanto pode ajudar àqueles que estão passando pela primeira crise e ainda não sabem o que fazer. 


Talvez um dos próximos textos seja “dicas para lidar com um término” (eu espero que não, mas...). Desejo sorte para quem está passando por algum momento ruim e pense positivo, provavelmente acontecerá o que for melhor.



Abraços, 
Rogério Queiroz.